top of page
  • Leticia dos Anjos Moreira André

Fisioterapia nas disfunções temporomandibulares

A Disfunção Temporomandibular (DTM) refere-se a um grupo de condições que afetam a articulação temporomandibular (ATM) e os músculos envolvidos na mastigação e movimentação da mandíbula. A ATM é a articulação que conecta a mandíbula ao crânio.

A DTM pode causar uma série de sintomas, incluindo dor na mandíbula, zumbido, dificuldade em abrir ou fechar a boca, estalos ou ruídos na articulação, dor de cabeça, dor no ouvido, sensação de mandíbula deslocada, dor ao mastigar, tensões musculares.

  • Dor na mandíbula: A dor pode ser localizada na região da mandíbula, podendo se estender para o pescoço, orelhas, rosto e cabeça. Pode ser uma dor constante, latejante ou em forma de pontadas.

  • Zumbido: A ATM está localizada próxima ao ouvido interno Quando há uma disfunção na articulação ou nos músculos associados, pode ocorrer uma alteração na posição da mandíbula. E também contraturas musculares ao redor da mandíbula, cervical e ombros podem afetar a tensão e a circulação sanguínea na região da cervical, incluindo as estruturas auditivas, isso também pode contribuir para a percepção de zumbido.

  • Dificuldade em abrir ou fechar a boca: Pode haver restrição de movimento da mandíbula, dificultando a abertura ou fechamento completo da boca.

  • Estalos ou ruídos na articulação: Sons de clique, estalos ou rangidos podem ser ouvidos ao abrir ou fechar a boca, podendo estar acompanhados ou não de dor.

  • Dor de cabeça: Dores de cabeça frequentes, especialmente na região das têmporas, podem estar relacionadas à DTM.

  • Dor no ouvido: A dor pode ser sentida no ouvido, podendo ser confundida com infecções de ouvido.

  • Sensação de mandíbula deslocada: Algumas pessoas podem experimentar a sensação de que a mandíbula está deslocada ou fora do lugar.

  • Dor ao mastigar: A dor pode ser sentida ao mastigar alimentos mais duros ou ao realizar movimentos de abertura e fechamento da boca.

  • Tensão muscular: Os músculos da mandíbula e do pescoço podem ficar tensos e doloridos.

As causas da DTM podem ser variadas e incluem fatores como estresse, bruxismo (ranger ou apertar os dentes), má oclusão dentária (encaixe inadequado dos dentes), lesões na mandíbula ou na ATM, artrite e outros problemas de saúde.

O diagnóstico da DTM é geralmente feito por um dentista, médico ou fisioterapeuta especializado, que avaliará os sintomas, histórico médico, realizará um exame físico e poderá solicitar exames complementares, se necessário.

A fisioterapia desempenha um papel importante no tratamento da Disfunção Temporomandibular (DTM). Aqui estão algumas abordagens comuns utilizadas pela fisioterapia no tratamento da DTM:

  • Terapia manual: O fisioterapeuta utiliza técnicas de terapia manual para mobilizar as articulações da mandíbula, reduzir a dor e melhorar a função da articulação temporomandibular (ATM).

  • Exercícios de fortalecimento e alongamento: São prescritos exercícios específicos para fortalecer os músculos da mandíbula e do pescoço, melhorar a estabilidade da ATM e aumentar a amplitude de movimento da mandíbula.

  • Técnicas de liberação miofascial: Essas técnicas são usadas para liberar a tensão e o aperto muscular na região da mandíbula, pescoço e ombros, aliviando a dor e melhorando a mobilidade.

  • Eletroterapia: A eletroterapia pode ser aplicada para aliviar a dor e reduzir a inflamação; também é muito usado o laser, dry needling; Acuncuputura; quiropraxia…

  • Orientações posturais e educação: O fisioterapeuta pode fornecer orientações sobre a postura correta da mandíbula, cabeça e pescoço, bem como instruções sobre técnicas de relaxamento e redução do estresse.

Além disso, o fisioterapeuta pode trabalhar em conjunto com outros profissionais de saúde, como dentistas, médicos e psicólogos, para fornecer um tratamento abrangente e personalizado para a DTM.

É importante ressaltar que o tratamento fisioterapêutico para a DTM é individualizado, baseado na avaliação do paciente e nos sintomas apresentados. É recomendável consultar um fisioterapeuta especializado em DTM para obter um diagnóstico adequado e um plano de tratamento específico para suas necessidades.

Aqui na Clínica Fisioform temos uma profissional especializada e capacitada para atender estas disfunções. Entre em contato conosco para agendar seu atendimento!

 

Escrito por: Leticia dos Anjos Moreira André

Fisioterapeuta – CREFITO 10/317720-F

3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page